Motorola despede quase 10 mil

A Motorola vai reduzir o número de trabalhadores numa tentativa de chegar ao lucro durante o ano de 2002.

A empresa ao efectuar este corte e aplicando outras medidas como o encerramento de fábricas espera poupar mil milhões de dólares anualmente.

Desde o início dos despedimentos, a Motorola já despediu 42900 trabalhadores que totalizavam 32 por cento do total dos trabalhadores.

A empresa afirma que o terceiro trimestre de 2002 será o primeiro do retorno aos lucros.