Actualização do McAfee coloca computadores inoperacionais

Os utilizadores do software McAfee poderão encontrar problemas na actualização para o ficheiro 5958 com as definições de vírus.

Após a actualização, o software McAfee passa a indicar que existe um vírus no computador (W32/Wecorl.a) que está dentro do ficheiro svchost.exe.

A indicação está errada e na verdade não existe nenhum vírus mas o software da McAfee identifica o ficheiro do sistema operativo Windows como estando infectado.

Caso o ficheiro svchost.exe seja eliminado ou movido para outra pasta, o sistema operativo Windows poderá ficar inoperacional.

A McAfee já disponibilizou uma actualização e caso seja necessário é recomendado que os utilizadores consultem esta página.

Microsoft alerta para falha detectada no IE6 e IE7

A Microsoft publicou um alerta sobre a descoberta de uma falha de segurança no Internet Explorer nas versões 6 e 7.

A falha de segurança é considerada perigosa e está relacionada com a forma como é processada a linguagem CSS utilizada na criação de páginas web.

A falha de segurança está presente nas versões 6 e 7 do Internet Explorer mas utilizadores da versão 5 ou da recente versão 8 estão protegidos.

A Microsoft não disponibilizou ainda uma correcção para a falha de segurança e por isso é recomendado aos utilizadores que actualizem o browser para a última versão.

 

Adobe disponibiliza actualizações que corrigem falhas no Adobe Acrobat

A Adobe disponibilizou ontem várias actualizações que visam corrigir falhas de segurança.

As actualizações são destinadas aos utilizadores do Acrobat e à versão Reader e algumas das actualizações são consideradas críticas.

As actualizações são para as versões Windows, Mac, Unix e inclui a actualização para uma falha de segurança que tem estado a ser explorada.

A Adobe recomenda aos utilizadores que actualizem logo que possível o software fazendo o download da versão mais recente.

Para ter acesso a informação mais detalhada sobre as actualizações poderá visitar o site oficial.

Hacker revela dados de acesso a 10 mil contas no Hotmail

Um hacker disponibilizou num site os dados de acesso (login e password) a 10 mil contas de correio alojadas no Hotmail.

A descoberta foi revelada pelo conhecido site Neowin.net e a situação foi detectada durante o fim-de-semana.

O hacker recorreu ao phishing para conseguir os dados de acesso às contas de correio electrónico.

O phishing é a criação de uma página ou páginas que simulam a entrada de um site conhecido. Os utiizadores que não prestem atenção acederão a essas páginas e preenchem os dados de acesso pensando que estão no site verdadeiro.

A Microsoft já reconheceu a situação e bloqueou as contas temporáriamenteenquanto não resolve o problema.

Microsoft lançou hoje o seu novo antivírus

A Microsoft disponibilizou hoje o seu novo antivírus gratuito que vem substituir o anterior OneCare.

O Microsoft Security Essentials é na verdade mais do que um antivírus já que inclui um motor para detectar malware e spyware e outras formas de código malicioso.

Inicialmente a Microsoft apostou no lançamento do serviço OneCare, um serviço pago mensalmente e que incluía um antivírus, um antispyware e uma firewall. Mas a rápida evolução da internet e da concorrência levaram a Microsoft a mudar de estratégia.

O novo Microsoft Security Essentials está disponível para Windows XP, Vista e 7, é gratuito e está disponível em vários idiomas.

Microsoft publica correcção para Internet Explorer

A Microsoft publicou ontem um novo boletim onde disponibiliza uma correcção para uma falha de segurança considerada crítica no Internet Explorer.

Os utilizadores que tenham o browser Internet Explorer instalado no seu computador devem proceder de imediato à actualização de forma a desactivar a falha de segurança detectada.

A falha de segurança está presente em todas as versões do Internet Explorer mais recentes (5.01, 6, 7 e 8) mas se tiver instalado o Windows 7 não necessita da actualização.

A falha de segurança está também presente em alguns componentes do Visual Studio.

Para proceder à actualização consulte o boletim publicado e onde são fornecidas todas as instruções.

Falha de segurança crítica descoberta no Firefox 3.5

A Fundação Mozilla publicou um texto no seu blog a alertar para a descoberta de uma falha de segurança crítica no browser Firefox 3.5.

No texto publicado no blog sobre segurança são dadas recomendações sobre como um utilizador deve proceder para desactivar a falha de segurança.

A falha de segurança começou por ser disponibilizada num site público sem a Fundação Mozilla ter sido avisada da mesma e por isso os cuidados devem ser redobrados.

A equipa de desenvolvimento do Firefox deverá actualizar o browser com a versão 3.5.1 nos próximos dias e nesta versão já deverá vir incluída a correcção para a falha de segurança.

Microsoft alerta para falha de segurança crítica

A Microsoft publicou esta semana um boletim onde alerta para uma falha de segurança crítica.

A falha de segurança encontra-se presente em computadores que tenham o browser Internet Explorer instalado e o sistema operativo Windows XP ou Windows Server 2003.

No boletim publicado a Microsoft recomenda que seja desactivado um componente ActiveX tendo disponibilizado um tutorial com a melhor forma de o fazer.

A Microsoft considera esta falha de segurança crítica e por isso recomenda que os utilizadores procedam à desactivação logo que seja possível.

Microsoft corrige falha de segurança no PowerPoint

A Microsoft no boletim publicado ontem alerta para uma falha de segurança presente no PowerPoint.

A falha de segurança é considerada crítica no Microsoft Office 2000 Service Pack 3 e importante nas versões Office XP, Office 2003, Office 2007.

A falha de segurança também está presente no Office 2004 e 2008 para Mac e ainda no Microsoft Works 8.5 e 9.0 mas nestes casos ainda não existe actualização para corrigir o problema.

A empresa disponibilizou toda a informação necessário no boletim de Maio para que os utilizadores possam resolver a situação logo que seja possível.

Microsoft alerta para falha no PowerPoint

A Microsoft publicou um alerta de segurança para uma falha detectada no PowerPoint.

A falha de segurança pode ser explorada em duas situações: quando um utilizador abre um ficheiro de PowerPoint que esteja como anexo de uma mensagem de correio electrónico ou quando um utilizador clica numa página web para fazer o download de um PowerPoint.

Caso isso ocorra, determinado código pode ser executado e permitir que terceiros tenham acesso ao computador do utilizador.

Esta situação afecta o Microsoft Office PowerPoint 2000 SP3, 2002 SP3 e 2003 SP3 tal como o PowerPoint 2004 para Mac. A versão mais recente, a Office 2007, não sofre deste problema.

Ainda não foi disponibilizada nenhuma actualização para corrigir esta falha de segurança e por isso a Microsoft alerta que os utilizadores devem ter muito cuidado ao abrir ficheiros PowerPoint.